Avaliação do Efeito dos Extratos e Frações das Folhas de Balfourodendron riedelianum (Rutaceae) sobre Spodoptera frugiperda (J. E. Smith) (Lepidoptera: Noctuidae)

Alessandra Regina Pepe Ambrozin

Resumo


A lagarta-do-cartucho, Spodoptera frugiperda (J. E. Smith) (Lepidoptera: Noctuidae), é uma importante praga da cultura do milho, que causa grandes prejuízos em relação à produtividade e à qualidade do produto final. Tal praga é usualmente controlada através do uso de piretróides e organofosforados, que podem ocasionar danos ao meio ambiente e deixar resíduos nos alimentos. Assim, a busca por novos pesticidas, mais seletivos, menos tóxicos e menos danosos ao ambiente é de grande importância. Nesse sentido, há um interesse crescente no uso de produtos naturais para o controle de pestes agrícolas. Extratos ou frações vegetais e algumas substâncias isoladas de plantas da família Rutaceae apresentam atividade anti-alimentar ou inseticida. A ampla diversidade química da família Rutaceae, seu grande potencial biológico e a ausência de avaliações de atividade inseticida de Balfourodendron riedelianum motivaram o presente trabalho, que teve como principal objetivo avaliar o efeito dos extratos e frações das folhas de B. riedelianum sobre S. frugiperda. Os ensaios biológicos foram realizados incorporando-se 100 mg.Kg-1 de cada extrato ou fração à dieta artificial de S. frugiperda e os parâmetros avaliados foram duração das fases larval e pupal, massa das pupas e porcentagem de mortalidade ao final de cada fase. Observou-se que os extratos hexânico e metanólico das folhas de B. riedelianum ocasionaram o alongamento nas fases larval e pupal, diminuição da massa pupal e aproximadamente 80 % de mortalidade na fase larval. Já algumas frações vegetais ocasionaram 100 % de mortalidade na fase larval. Tais resultados indicaram a atividade inseticida dos extratos e frações de B. riedelianum sobre S. frugiperda, o que sugere seu grande potencial como inseticida natural.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/BA.v9.135


Sociedade Entomológica do Brasil