Avaliação de Beauveria bassiana (Bals.) Vuill. e Metarhizium anisopliae (Metsch.) Sorok. para Controle de Sitophilus zeamais (Coleoptera: Curculionidae)

Michele Potrich, Luis Alves, Natalia Mertz, Everton Silva

Resumo


Este trabalho teve como objetivo avaliar, em condições de laboratório, os fungos entomopatogênicos Beauveria bassiana (Bals.) Vuill. e Metarhizium anisopliae (Metsch.) Sorok. no controle de Sitophilus zeamais Mots. Foram realizados Bioensaios de patogenicidade e comparação de 16 isolados de B. bassiana e 2 isolados de M. anisopliae, avaliando-se a patogenicidade, virulência, crescimento vegetativo e produção de conídios em placa-de-Petri e em arroz e cadáver dos insetos. Todos os isolados foram patogênicos a S. zeamais. As mortalidades acumuladas mais elevadas ao 5o dia foram obtidas com os isolados Unioeste 4, Unioeste 39 e Esalq 643 de B. bassiana. Quanto à virulência, esses três isolados não diferiram entre si, no entanto, em relação ao diâmetro médio de colônia, produção de conídios por colônia e produção de conídios por cadáver, o isolado Esalq 643 foi o mais eficiente. Na produção média de conídios em arroz, os isolados Unioeste 4 e Esalq 643 não diferiram entre si, sendo ambos produtivos. Em geral, os isolados Esalq 643 e Unioeste 4 se mostraram eficientes, tendo potencial para explorar no controle microbiano de S. zeamais.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/BA.v1.0.34

Sociedade Entomológica do Brasil